A LUTA CONTINUA!


"HÁ VITÓRIAS QUE EXALTAM, OUTRAS QUE CORROMPEM; DERROTAS QUE MATAM, OUTRAS QUE DESPERTAM."
Antoine de Saint-Exupéry

sábado, 1 de novembro de 2014

DE: PIADA

FICOU TUDO ORGANIZADO

Um marido está em casa assistindo a um jogo de futebol, quando sua mulher interrompe:
- Querido, você pode trocar a lâmpada do corredor? Ela está piscando há semanas... Ele olhou para ela e respondeu com raiva: - Trocar a lâmpada agora? Você tá vendo a logomarca da Philips na minha testa? Eu acho que não!
A esposa pergunta:
- Então, você pode consertar a porta da geladeira? Ela não está fechando direito.
E ele respondeu:
- Consertar a porta da geladeira? Você tá vendo a logomarca da Brastemp na minha testa? Eu acho que não! - Tudo bem - ela disse.
 - Então você pode pelo menos consertar os degraus da porta da frente? Eles estão quase se quebrando.
Ele disse:
- Você tá vendo carpinteiro escrito em minha testa? Eu acho que não! Eu não aguento mais você! Vou para o bar!!!
Então ele foi para o bar e bebeu por algumas horas. Foi quando  começou a se sentir culpado pela forma como tratou sua esposa e decidiu voltar para casa e ajudá-la. Quando ele chegou em casa, percebeu que os degraus já estavam consertados. Ao entrar na casa, ele viu que a luz do corredor estava funcionando. Foi pegar uma cerveja e percebeu que a porta da geladeira foi consertada. - Querida - ele perguntou - como todas essas coisas foram consertadas? Ela disse:
- Bem, quando você saiu eu sentei lá fora e chorei. Então um jovem muito simpático me perguntou o que estava errado e eu lhe contei. Ele se ofereceu para consertar tudo e tudo o que eu tinha que fazer era escolher entre ir para a cama com ele ou fazer um bolo. O marido disse:
- Então, que tipo de bolo você fez para ele? ela respondeu:
 

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

É O CLÁUDIO HUMBERTO QUEM DIZ:


DE: PIADA

 SAIR CEDO DO  TRABALHO

Três amigo, Manuel, João e Joaquim, trabalham na mesma empresa.
Um dia o patrão fala:
-Olha tenho que sair mais cedo, tenho compromisso!
Eles aceitam normal (afinal, o cara era o patrão).
Mas eles começam a perceber que todo dia o patrão está saindo mais cedo e um deles resolve.
-Pois, nosso patrão ficaire saindo toda a semana, e nos aqui nos matando de trabalhaire pois, que tal sairmos mais cedo? Não o patrão para tomar conta, ora pois!
E os outros concordam.
João sai para beber no bar da esquina com uns amigos, Joaquim reúne os parentes da cidade para um churrasco, e Manuel aproveita para chegar em casa mais cedo para dar um “trato” na esposa Maria.
Ora que quando abre discretamente a porta do quarto, encontra seu patrão fazendo "sapeca  iaiá nos vazios" de  Maria.Manuel sai rapidamente.
No dia seguinte, João fala:
-Ora, vamos repetir a dose?
Manuel diz:
 

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

HISTÓRIA POLÍTICA DO RIO GRANDE DO NORTE


 E ASSIM SE PASSARAM 40 ANOS... 

Brasil ano de 1974.  Época dos governos estaduais serem indicados pelos militares que tinham promovido à revolução de 1964 e assumido o poder.
O mandato do governador Cortez Pereira se aproximava do final e para o seu lugar o general e presidente Ernesto Geisel já havia indicado “bionicamente” o sucessor do ex-seminarista.
O indicado tinha o apoio irrestrito do general Dale Coutinho que ocupava o cargo de Ministro do Exército e a nomeação  estava definida.  Entretanto, o escolhido tinha contra si poderosas forças contrárias ao seu nome, tramando sob as sombras do poder.
E os dias se passavam  e, apesar da determinação presidencial, o nome do escolhido não era anunciado. Para piorar, no dia 23 de maio o general Dale Coutinho morre inesperadamente vitimado por um problema cardíaco.  O escolhido fica sem seu protetor.
A morte do general causa uma reviravolta na indicação do novo governador do Rio.Grande do Norte.  Surge a figura do todo poderoso - durante o regime militar - Golbery do Couto e Silva que puxa do colete o nome de um seu amigo particular que se encontrava no ostracismo político residindo fora do estado. Seu nome: Tarcísio de Vasconcelos Maia.
 
 
Resultado: Golbery mostra todo o seu poder e indica Tarcísio Maia governador descartando o nome do escolhido pelo presidente da República, o empresário Osmundo Faria.
Osmundo falece tempos depois sem ter conseguido materializar seu sonho  de governar o Rio Grande do Norte.
Quarenta anos de passam. E chegamos ao presente ano de 2014, com o país redemocratizado com os militares afastados da direção do País.
Nova eleição para o governo do Estado do Rio Grande. Desta vez sem a "escolha biônica" dos militares, e sim, pelo voto livre da população. Surge um  homem que a princípio foi considerado por muitos como "candidato azarão". Esse homem destemido vai à luta praticamente sozinho e mesmo enfrentando  o maior acordão político já firmado na história política do Estado, consegue se eleger governador. Seu nome: Robinson Faria; filho de Osmundo.
Na noite de 26 de outubro passado o sonho do pai se materializou através da vitória esmagadora obtida por seu filho.

POESIA POPULAR BRASILEIRA


"TÁ BEM FRIINHA"


ALERTA: PARA QUEM ESTÁ EM ATRASO COM SUAS OBRIGAÇÕES...

É O CLÁUDIO HUMBERTO QUEM DIZ:


DE: PIADAS

DE CASAIS
 
Na cama, o marido se vira para a jovem esposa e pergunta:
- Querida, me diga que sou o primeiro homem da sua vida.
Ela olha para o babaca e responde:
- Pode ser... Sua cara não me é estranha...
 
- - - - -
 
Pedro e Mônica eram casados, bonitos, flamenguistas e milionários. Só tinham um problema: a vida sexual deles era insatisfatória. Aqueles dois na cama eram piores do que horário eleitoral...
Um dia conversaram sobre o assunto:
- Quem sabe se a gente ousasse mais, amor... - disse Pedro.
- Eu faço qualquer coisa, meu bem! O que você quer?
- Já ouviu falar em swing?
- Troca de casais?
- Sim! A Neusa e o Mário, que são nossos melhores amigos, praticam e dizem que é ótimo! Quem sabe se a gente...
Meio a contragosto, Mônica concordou. A noite começou com um jantar regado a muito vinho da melhor qualidade. Depois, horas de sexo selvagem, e quando o dia já estava raiando, Pedro acendeu um cigarro e falou:
- Pôxa! Foi o melhor sexo da minha vida!
- Pra mim também!
- Não vejo a hora de nossas mulheres saírem do outro quarto pra gente saber se elas também curtiram, Mário!
 

DE: NORDESTE